Greve acaba e acadêmicos devem voltar às aulas na próxima segunda-feira

3.1-Fafipar-4Uma Assembleia de professores e estudantes foi realizada na noite da última quarta-feira à noite. O encontro foi encerrado com a decisão de acabar com a greve e promover o retorno às aulas.
As aulas começam na próxima segunda-feira, dia 29 quando os acadêmicos poderão confirmar o ensalamento, uma vez de que ficou definido que aulas em dois colégios estaduais também acontecerão provisoriamente.
Algumas turmas terão aula no Colégio Estadual Instituto de Educação, no centro e bem ao lado do próprio campus Paranaguá da Unespar e outros no Colégio Helena Viana Sundim, no bairro da Costeira.

Conquistas
De acordo com o professor Odinei Fabiano Ramos, participante do movimento grevista resumiu as conquistas da greve que atrasou o início das aulas.
“Na verdade, a gente teve vitórias junto ao Governo Estado quando conseguimos colocar em pauta a discussão da universidade. Temos garantias que nosso orçamento será mantido e, com a reforma das salas de aula, tivemos uma vitória, pois as obras tiveram a sua continuidade”, disse referindo-se às dificuldades financeiras do governo que atrasou o pagamento da empresa que faz a reforma de salas de aula e banheiros numa das alas
O calendário será definido pelo conselho universitário, mas os 200 dias letivos serão respeitados.
Na segunda-feira, a comunidade acadêmica será recebida no prédio da Unespar e fazer o encaminhamento nas escolas a partir da próxima terça-feira, dia 30 de junho.
A Unespar/campus Paranaguá já havia pedido a cessão de salas de aula em quatro escolas como o próprio Instituto de Educação, Colégio Estadual Helena Viana Sundim, Colégio Faria Sobrinho e José Bonifácio.
Porém, para o início das aulas, apenas dois estabelecimentos de ensino serão aproveitados.
E o calendário escolar deve ser definido na próxima semana, junto aos acadêmicos dos cursos.

Tags: , , , , , ,

Compartilhar



Comentar com o Facebook


Deixe uma resposta


vermelho {limão}