Mulheres têm apoio e estrutura com novo serviço

WhatsApp Image 2019-02-06 at 09.56.16Três dias após ser implantada, a Patrulha Maria da Penha fez um atendimento em Paranaguá. Um caso que ocorreu no bairro Vila Bela, Na Ilha dos Valadares. O agressor foi preso em flagrante, após bater na sogra, uma mulher de 52 anos.

Mas há outros casos já registrados desde que a Patrulha foi implantada, no dia 30 de janeiro. Ler mais →


trabalho realizado por agentes de segurança poderá diminuir novos casos de violência contra a mulher e garantir a efetividade das medidas de proteção concedidas pelo Judiciário

Termo de Cooperação - Patrulha Maria da PenhaNa última quinta-feira (01/06) a Juíza Bianca Bacci Bisetto, da Comarca de Pontal do Paraná, assinou um termo de cooperação técnica com a Prefeitura do município do litoral paranaense. O objetivo é implantar a Patrulha Maria da Penha para acompanhar e garantir a efetividade das medidas protetivas de urgência concedidas em favor das vítimas de violência doméstica e familiar contra a mulher.

As atividades terão início em julho deste ano e os agentes da Guarda Municipal, responsáveis pela patrulha, já estão sendo capacitados. Existe a previsão para promover o treinamento da totalidade do efetivo da guarda.

O trabalho será realizado por meio de equipes que irão realizar visitas periódicas às mulheres vítimas de violência, às quais o Poder Judiciário concedeu a medida de proteção. Essas ações realizadas pelos agentes de segurança evitam o descumprimento dessas medidas, além de ter o potencial de reduzir os índices de reincidência dos casos de agressão.

Participação

Na reunião estavam presentes o prefeito Marcos Fioravante, o vice-prefeito Fábio de Oliveira, a Procuradora-Geral do Município Solange Roque, o secretário municipal de administração Benedito Facini e o assessor Alberis Silvestrini de Andrade Júnior.



vermelho {limão}