9Os celulares do Paraná ganharão um novo dígito a partir de 2016. O 9 (nove) será acrescentado à esquerda da atual numeração a partir do dia 6 de novembro de 2016. A mudança consta no Diário Oficial da União.

De acordo com a publicação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a alteração valerá para todos os DDDs do estado, do 41 ao 49. Também terão o número adicional os celulares registrados no Acre, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Tocantins e Distrito Federal (DDD 61 ao 69), a partir de 29 de maio do próximo ano. No Rio Grande do Sul, nas áreas correspondentes ao 51, 53, 54, 55, a alteração ocorrerá juntamente com o Paraná.

Com o acréscimo, os números terão o seguinte formato 9xxxx-xxxx. A Anatel ainda informa que as operadoras completarão as ligações feitas com oito dígitos por determinado tempo – ainda não estabelecido – até que os usuários se adaptem completamente. Os clientes também receberão mensagens com orientações sobre a nova forma de discagem. Após esse período, as chamadas com oito dígitos não serão mais concluídas.

A Anatel ainda lembra que a numeração de telefones fixos das áreas mencionadas não sofrerão alteração, permanecendo com oito dígitos.


IPVA_2013Donos de veículos emplacados no Paraná começam a pagar o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) relativo ao exercício de 2016 a partir de 21 de janeiro. Assim como neste ano, segue o desconto de 3% aos contribuintes que pagarem o imposto em parcela única. Segundo a secretaria da Fazenda, cerca de 40% dos donos de veículos fizeram esta opção.

Outra alternativa é pagar em três parcelas, sem acréscimos, nos meses de janeiro, fevereiro e março.

A estimativa é de que o lançamento do IPVA 2016 no Paraná chegue a R$ 3,05 bilhões. O cálculo do imposto foi feito pelo valor de venda do veículo, tendo como base levantamento realizado pela Fipe e como referência os preços praticados no mercado do Estado em outubro de 2015.

A maior parte da frota terá alíquota de 3,5%. Ônibus, caminhões, veículos de carga, de aluguel ou que usam gás GNV pagam 1%. Há imunidade para veículos de propriedade da União, Estados e Municípios e isenção para táxi, ônibus de transporte urbano, para deficientes, destinados ao transporte escolar e os que foram fabricados há mais de 20 anos (eles somam 1,9 milhão de unidades).

Nos próximos dias a Secretaria da Fazenda vai enviar correspondência aos contribuintes com os dados dos veículos, valores do imposto, forma de pagamento e as guias para recolhimento à vista (com desconto) ou da primeira parcela. Elas poderão ser pagas em qualquer banco.

Os contribuintes que fizerem opção pelo parcelamento vão receber nova correspondência com as guias para recolhimento da segunda e da terceira parcelas, que também poderão ser quitadas em qualquer instituição bancária.
O pagamento também poderá ser feito usando somente o número do Renavam nos bancos credenciados (Banco do Brasil, Bancoob, Bradesco, Itaú, Rendimento e Sicredi). Outra opção é a GRPR (Guia de Recolhimento do Estado do Paraná), que estará disponível no portal www.fazenda.pr.gov.br.

A Fazenda alerta que contribuintes que possuem pendências relativas ao pagamento de IPVA serão inscritos no Cadin (Cadastro Informativo Estadual), criado em 2015, e terão restrições no relacionamento com o governo.


concurso publicoO Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), anunciou no Diário Oficial da União da última segunda-feira (28), a abertura de Concurso Público.

São 460 vagas para Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas A I, distribuídas entre os Estados do Acre (5), Alagoas (8), Amazonas (7), Bahia (39), Ceará (24), Distrito Federal (20), Espírito Santo (9), Goiás (18), Maranhão (12), Minas Gerais (46), Mato Grosso do Sul (6), Mato Grosso (8), Pará (18), Paraíba (8), Pernambuco (25), Piauí (10), Paraná (31), Rio de Janeiro (36), Rio Grande do Norte (8), Rondônia (6), Rio Grande do Sul (30), Santa Catarina (17), Sergipe (8), São Paulo (56) e Tocantins (5).

Os salários variam entre R$ 3.098,85 e R$ 4.638,01, conforme a carga horária mínima obtida em curso de capacitação ou qualificação profissionais. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais.

As inscrições podem ser feitas de 4 a 28 de janeiro de 2016, pelo site. A taxa de inscrição é de R$49 reais.

Os participantes serão submetidos à Prova Objetiva, prevista para ocorrer no dia 17 de abril de 2016, em locais a serem divulgados.

A classificação final será válida por um ano, podendo ser prorrogada por igual período.


capa-Todas-folder-dengueA chegada do verão, com temperaturas mais altas e o clima chuvoso, propicia o acúmulo de água e o desenvolvimento do mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como a dengue, a zika e a chikungunya. Quem vai viajar deve redobrar os cuidados para evitar o avanço dessas doenças.

Antes de deixar o imóvel, o morador deve verificar se não está abandonando recipientes que possam acumular água e servir como criadouro para as larvas do mosquito. É recomendado prestar atenção em espaços que nem sempre são lembrados, como bromélias, ocos de árvores, ralos e coletores de água da geladeira/ar condicionado.

“São poucos minutos que fazem toda a diferença no combate ao mosquito. Mantendo a casa sem água parada, você protege sua família e também os seus vizinhos”, diz a chefe do Centro Estadual de Vigilância Ambiental, Ivana Belmonte.

As mesmas recomendações devem ser seguidas por quem aluga uma casa na temporada. “A chegada deve ser acompanhada de uma vistoria cuidadosa em vasos, baldes, piscinas, vasos sanitários, tanques, garrafas e qualquer objeto que possa juntar água durante a ausência dos moradores”, complementa Ivana.

ORIENTAÇÃO – O verão é a estação do ano que mais concentra casos de dengue no Paraná. As temperaturas mais quentes favorecem a eclosão dos ovos do mosquito Aedes aegypti. Os ovos geralmente são depositados em água parada e podem sobreviver por mais de um ano à espera de um clima propício para se desenvolver.

Entre os criadouros mais comuns estão vasos e pratos de plantas, garrafas pet, copos plásticos, sacolas, latas e outros materiais recicláveis. Também existem outros vilões que nem sempre estão à vista, como calhas entupidas, ocos de árvores, bromélias e bandejas externas de geladeira.


img_1_27_5443A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a interdição cautelar do lote nº L627883 (Val. 04/2016) do medicamento Captopril 25 mg comprimidos, fabricado pela empresa EMS S/A.

A Resolução está publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira, 21, e a interdição do lote do medicamento, usado para controle da hipertensão, foi motivada pelo laudo de análise fiscal, emitido pela Fundação Ezequiel Dias de Minas Gerais, reportando resultado insatisfatório nos ensaios de teor e limite de dissulfeto de captopril do medicamento.

Fonte: Agência Estado


Paranaguá 30-12-10, Batalhão de Polícia Ambiental, faz apreensão de palmitos em Matinhos. Foto: Sargento Macena, PMPR.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) editou no último dia 7, no Diário Oficial da União, três resoluções proibindo a fabricação, distribuição e comercialização em todo o País de três marcas de palmito em conserva.

As três marcas foram vetadas após a Anvisa considerar a notificação do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde no Rio Grande do Sul que informou a agência sobre a Operação Ju$$ara, deflagrada pelo Ministério Público Estadual do Rio Grande do Sul para ação contra a extração ilegal de palmito de espécie proibida.

As marcas proibidas são Conservas Serra Azul, Conservas Manzan e Três Forquilhas Brehm. Fonte: Agência Brasil


nota paranáA Secretaria de Fazenda do Estado do Paraná (Sefa) liberou nesta segunda-feira R$ 20,6 milhões em créditos acumulados no programa Nota Paraná. O montante é referente a compras realizadas no mês de agosto, com 33,7 milhões de documentos fiscais no período.

A consulta ao valor liberado para os cerca de quatro milhões de contribuintes pode ser feita no site www.notaparana.pr.gov.br. Com a divulgação do valor, o resgate já pode ser feito com depósito em conta bancária, com valor mínimo de R$ 25, ou abatimento no Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2017.

Os créditos têm validade de um ano e poderão ser liberados mensalmente. A Secretaria de Fazenda havia anunciado ainda a possibilidade de resgatar os valores em créditos para telefone celular, mas a opção não está disponível.

A Nota Paraná devolve 30% do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) pago pelo comércio pra quem registrar o número do CPF no ato da compra.

Além do resgate de créditos, consumidores que solicitam o CPF na nota também concorrem a prêmios em dinheiro. O primeiro sorteio está marcado para 15 de dezembro, com prêmios de R$ 200 mil, R$ 120 mil e R$ 80 mil, valores especiais de Natal, além de valores menores como R$ 10, R$ 20, R$ 50, R$ 250 e R$ 1 mil.

Segundo a Sefa, serão distribuídos 250 mil prêmios.


Programa Nota Paraná. No endereço www.notaparana.pr.gov.br, veja como participar da campanha. Foto: Reprodução da página

Programa Nota Paraná. No endereço www.notaparana.pr.gov.br, veja como participar da campanha.
Foto: Reprodução da página

Na próxima segunda-feira (23), a Secretaria de Estado da Fazenda vai liberar os primeiros créditos do Programa Nota Paraná. Serão distribuídos R$ 20,6 milhões entre quatro milhões de cidadãos que solicitaram CPF na nota em compras feitas no Estado no mês de agosto.

O cálculo dos créditos de compras feitas em agosto foi realizado no dia 10 de novembro. Até o fim da semana, a equipe de homologação fará testes para verificar se a distribuição está em conformidade com a Resolução 627/2015, que disciplina o cálculo do crédito a ser atribuído aos consumidores. Passada esta fase, os valores serão disponibilizados no dia 23 no portal da Nota Paraná (www.notaparana.pr.gov.br).

Foram processados 33,7 milhões de documentos fiscais e, na próxima semana, os participantes do programa poderão visualizar os créditos que acumularam e também resgatá-los.

Inicialmente, eles poderão ser depositados em conta bancária (o valor mínimo é de R$ 25). A Secretaria da Fazenda e as operadoras de telefonia estão trabalhando na possibilidade da conversão dos valores em créditos de celular. Se preferir, o consumidor pode optar por abatimento no IPVA de 2017.


Licenciamento para placas 9 e 0 vencem em novembro.

Licenciamento para
placas 9 e 0 vencem
em novembro.

A partir deste domingo (1º) até dia 30 de novembro, os proprietários de veículos paranaenses com placa 9 e 0 têm o prazo máximo para pagar o Licenciamento Anual – exercício 2015. Além da apreensão do veículo, quem for flagrado com carro não licenciado comete uma infração gravíssima, recebe 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação e pagará uma multa de R$ 191,54.

COBRANÇA – A Guia de Recolhimento é no valor de R$ 68,42 (para todos os veículos). Os proprietários que estão em atraso com débitos de multas, Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor (IPVA) ou Dpvat, além do valor do Licenciamento exercício 2015, terão os valores a serem quitados acrescidos a guia.

A tabela completa com as datas e a consulta a situação do veículo estão disponíveis no site www.detran.pr.gov.br, na aba “veículos”, “licenciamento anual”.

PAGAMENTO – O Licenciamento deve ser pago nas instituições bancárias credenciadas junto ao órgão de trânsito: Banco do Brasil, Sicredi, Bancoob e BancoRendimento. Correntistas do Banco do Brasil podem realizar o pagamento com o número do Renavam no caixa do autoatendimento ou pela internet.

Proprietários de veículos que não são correntistas precisam seguir o passo a passo no caixa automático:

1º passo: Apertar a tecla entra e selecionar a opção consulta

2º passo: Selecionar protocolo para pagamento on-line

3º passo: Selecionar taxas Detran do Estado do Paraná

4º passo: Selecionar licenciamento anual / DPVAT

5º passo: Digitar número do Renavam

6º passo: Escolher a opção de pagamento do licenciamento e retirar o protocolo para pagar na agência ou banco conveniado


img_1_12_7458O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) vai realizar um concurso público em janeiro do próximo ano com o objetivo de formar cadastro de reserva para quatro vagas de auditor. As inscrições para o processo serão abertas na próxima sexta-feira (30) e poderão ser feitas até o dia 19 de novembro pela internet.

A taxa de inscrição é de R$ 300. Já o salário oferecido é de R$ 28.947,54. Para participar do processo, o candidato precisa ter curso superior.

A prova objetiva do concurso será aplicada em 10 de janeiro de 2016. Já os exames discursivos serão realizados no dia 14 de fevereiro. As questões abrangem diversas áreas do Direito, Administração, Contabilidade e Economia.

Os aprovados nos testes terão os títulos avaliados em uma terceira fase, e serão selecionados os candidatos com as maiores qualidades.

Clique aqui e confira o edital completo do concurso público.



vermelho {limão}