Nos bastidores, as conversas acontecem a mil por hora. Vai ter mudança?

6camara_municipal_paranagua5No próximo dia 20 de dezembro, os vereadores da Casa de Leis de Paranaguá vão escolher os novos membros da Mesa Executiva da Câmara de Vereadores. A sessão especial de eleição está marcada para ocorrer às 18h.

Os escolhidos para presidir a Câmara Municipal de Paranaguá, bem como vice-presidente, além de 1° e 2° secretários, vão ocupar os cargos durante o biênio 2019/20. O edital de convocação da eleição da Mesa Executiva indica o plenário do Palácio Carijó como o local de votação.

Nos bastidores as conversas andam tensas e a mil por hora. Vai ter mudança?


5-4-camara-municipal-paranaguaExcepcionalmente, nesta terça-feira, 13, a sessão da Câmara Municipal de Paranaguá terá início às 17h.

A mudança, aprovada por todos os vereadores, se deu em razão da missa no Santuário do Rocio desta terça ser em homenagem ao Poder Legislativo e Executivo Municipal.

A alteração vai propiciar com que os vereadores participem da celebração no Santuário do Rocio.


IMG_0203A Câmara Municipal de Paranaguá votou, na noite de terça-feira, 23,  o projeto de lei, encaminhado pelo Poder Executivo, que trata do Programa de Recuperação Fiscal (Refis) do Município para o ano de 2018. Com duas emendas ao texto original, feitas pelos vereadores Carlos Fangueiro e Luizinho Maranhão, a Casa de Leis aprovou o Refis Municipal 2018. Ler mais →


DSCF0038Em Morretes, no Litoral paranaense, a Justiça decretou a indisponibilidade de bens do ex-presidente da Câmara Municipal de Vereadores na gestão 1997-2000. A liminar atende ação civil pública para ressarcimento do erário apresentada pelo Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça da Comarca, em função de processo irregular de aposentadoria de uma ex-servidora assinado pelo então vereador em dezembro de 2000, enquanto presidia a Casa Legislativa. Ler mais →


5.4-bem estarO Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal, em parceria com a ONG Amigos Protetores de Paranaguá promovem o curso denominado “Educação Ambiental Humanitária e bem estar animal”.

O curso é gratuito e tem como objetivo capacitar a população, protetores e educadores como multiplicadores dos conceitos EAHBEA (Educação Ambiental Humanitária e bem-estar Animal) com base na proposta pedagógica de respeito a todos as formas de vida.

O curso acontecerá no dia 11 de maio, das 8h às 12h, no Plenário da Câmara Municipal de Paranaguá.

Público alvo é formado por professores de educação fundamental, Protetores e população em geral.

As inscrições para o curso já estão abertas e podem ser feitas pela internet. Para inscrição acesse o link: goo.gl/84za2R


Delegado de Paranaguá falou na Câmara de Vereadores durante a sessão desta quinta-feira, dia 8

Delegado fala sobre futura delegacia cidadã. Foto: Rádio Difusora

Delegado fala sobre futura delegacia cidadã. Foto: Rádio Difusora

O Delegado Rogério Martins, da 1a Subdivisão Policial esteve explanando para os vereadores e para a população de Paranaguá sobre a localização da Delegacia Cidadã durante a sessão realizada no dia 8.  Ler mais →


DC 3.indd


Vereador colocou o dedo na ferida. 

waldir leiteA aplicação do regimento interno da Câmara Municipal de Vereadores, por parte do presidente da Casa, foi cobrado pelo vereador Waldir Leite na sessão desta quinta-feira, dia 30.

Até que enfim! Ler mais →


tn_620_600_camara_guaratuba_060410O Tribunal de Contas do Estado do Paraná determinou a devolução de diárias indevidas recebidas por vereadores e servidores da Câmara Municipal de Guaratuba (Litoral) nos anos de 2011 e 2012. O motivo do ressarcimento foi a falta de comprovação dos motivos ou da efetiva realização das viagens. O valor original total do ressarcimento é de R$ 11.200,00. Por conceder as diárias irregulares, o então presidente do Poder Legislativo, vereador Paulo Eder Araújo (gestão 2011-2012), foi multado em R$ 1. 450,98. Ler mais →


maxresdefaultNota à Imprensa de Paranaguá

Em relação ao projeto de lei da Câmara Municipal de Paranaguá para restringir a circulação de trens, a Concessionária esclarece que cabe somente à União legislar sobre transporte ferroviário, sendo este um serviço que deve ser prestado de forma contínua e ininterrupta. Reforça que suas operações seguem todas as normas vigentes e que procura causar o menor impacto possível à população. Toda ferrovia de carga funciona 24 horas por dia e os horários de circulação dos trens dependem das operações de carregamento e descarregamento entre outros fatores.



vermelho {limão}